Diretor de Perdido em Marte já sabia da existência de água em Marte faz tempo

Ridley Scott trabalhou com a NASA no desenvolvimento de Perdido em Marte e já sabia da novidade de ontem há meses!

Cinema

Diretor de Perdido em Marte já sabia da existência de água em Marte faz tempo

A NASA revelou ao mundo ontem que tinha encontrado evidências da existência de água em estado líquido em Marte.

Apesar de grande parte da comunidade científica já suspeitar que algo assim seria descoberto em breve, dá para dizer que a notícia foi uma boa e agradável surpresa. Com água em Marte, temos mais possibilidade de colonizar o planeta, usá-lo como uma base para lançamentos futuros visando outros planetas, como Júpiter, e também temos mais chance de encontrar vida por lá.

Quem acabou se beneficiando muito com essa revelação foi o filme Perdido em Marte, que estreia nessa semana nos cinemas.

Estrelado por Matt Damon, o longa conta a história de um astronauta que ficou perdido no Planeta Vermelho e precisa dar um jeito de sobreviver por lá até a NASA conseguir enviar algum método de resgate pra ele.

Realmente foi muita sorte o filme ser lançado justamente na semana do anúncio oficial de que existe água em Marte, não é mesmo?

Não, não foi sorte.

Ridley Scott, diretor do longa, admitiu em entrevista que já sabia das evidências de água líquida em Marte há muito tempo. “Já sabia disso há meses“, revelou o cineasta ao Yahoo Movies.

O diretor já sabia dessa informação porque trabalhou em conjunto com a NASA no desenvolvimento de Perdido em Marte, que é baseado num livro escrito por Andy Weir.

Ao New York Times, Ridley Scott revela que só ficou sabendo dessa revelação um pouco depois do filme já ter começado a ser filmado. Isso o poupou de ter que alterar o roteiro do longa para inserir a existência de água em Marte na história do astronauta Mark Whatney.

Perdido em Marte estreia no dia 1º de outubro no Brasil.

Leandro de Barros

Campeão de Chess-Boxing por W.O. da minha rua, nerd de nascença, babaca por opção. Depois de muito analisar a sociedade moderna, só tenho uma coisa a dizer: með þýðandi? Veik!

Deixe seu comentário!

Mais em Cinema

To Top