Alfonso Cuarón não dirigirá “Animais Fantásticos e Onde Habitam“, filme baseado no universo de “Harry Potter”.  A jornalista Nikki Finke escreveu em sua conta pessoal no twitter que o cineasta, ganhador do Oscar por Gravidade,  estava em negociação com a produtora Warner Bros. O diretor mexicano negou essa informação em entrevista à agência de notícias EFE:

Eu tenho muito amor por aquele universo e eu admiro muito J.K. Rowling, mas hoje, neste momento, projetos baseados em muitos efeitos visuais não me atraem… Estou saindo de um processo de cinco anos fazendo efeitos especiais e agora eu meio que quero diferente.

Cuarón dirigiu o terceiro filme  da saga, “Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban”, lançado há dez anos. A previsão é que a primeira parte de “Animais Fantásticos e Onde Habitam” chegue em 18 de novembro de 2016.

A história é uma adaptação do Animais Fantásticos e Onde Habitam, que é um livro didático usado pelo alunos de Hogwarts. A narrativa acontece  70 anos antes de Harry Potter e será dividida em três longas-metragens.