O Juiz | CRÍTICA

Cinema

O Juiz | CRÍTICA

[rightbox]O filme, dirigido por David Dobkin, traz a história de um advogado Hank Palmer (Robert Downey Jr) renomado nos tribunais que volta a sua cidade natal para o velório de sua mãe. Lá, encontra com sua família que não vê há anos, porém não sendo muito bem recebido. Filho do magistrado da cidade, Joseph Palmer (Robert Duvall), dono de uma credibilidade irrefutável por mais de 40 anos, implacável com decisões judiciais, admirado pela população local, mas que termina sendo acusado de homicídio e indo a júri popular. Hank, eM seu difícil relacionamento com o pai tenta assumir o papel de advogado para salvá-lo de uma possível condenação.

Bom, é típico filme para ser indicado ao Oscar. Seja pela atuação do protagonista, ou principalmente do ator coadjuvante, seja pelo enredo emotivo-familiar, seja pelo fato de quererem resgatar o gênero ‘tribunais’ e o tornar sucesso em Hollywood novamente.[/rightbox]

O Juiz 2014

O Juiz 2014[leftbox]Rico, bonitão, sarcástico, dono de uma lábia única e badass. Se você lembrou do Tony Stark… Bom, bem dizer você acertou. Porque Hank Palmer é uma versão alternativa de Tony Stark em algum universo paralelo perdido. Se ele não fosse um gênio das tecnologias seria, sim, um gênio das leis. As semelhanças do caráter, os cacoetes, as piadas involuntárias, o jeito de reagir são descaradamente o Homem de Ferro sem cavanhaque. Mas até acredito que é na verdade o jeito peculiar do Downey atuar.

O longa dura 14h32 (Mentira, claro. Mas ele passa uma sensação temporal absurda de longa), mas é longe de ser cansativo. A narrativa é cadente com momentos de boas risadas. Há também cenas memoráveis, sejam as discussões entre pai e filho, sejam os momentos de acolhimento fraterno.

Fotografia e enquadramento dignos e bem postos. A atuação do Robert Duvall, com seus 83 anos, vai fácil ser indicada ao Oscar (Ele, que já o ganhou em 1984 em “A força do carinho”). Um filme que você sabe qual o final, mas com desdobramentos riquíssimos que te fazem pensar, refletir.

Se você gosta de filme com conteúdo, com história, esse é uma ótima oportunidade de ir ao cinema.[/leftbox]

Assista o trailer oficial de O Juiz

Graduado em Administração de Empresas e especializado em Mídias Digitais, aprendiz de designer, pseudo publicitário, impaciente com áreas burocráticas e tentando ingressar no ramo criativo. Amante de animes, viciado em séries e games, enxerido em cosplayer. Tem como maior sonho criar o A³ [Abrigo para Animais Abandonados]. Sou inimigo ferrenho do clichê e desconfiado dos pombos.

Deixe seu comentário!

Mais em Cinema

To Top