Cinco anos depois, jogador cego termina Ocarina of Time

Games

Cinco anos depois, jogador cego termina Ocarina of Time

O norte-americano Terry Garrett levou cinco anos para jogar até o fim o RPG The Legend of Zelda: Ocarina of Time, feito pela Nintendo pasa o seu console Nintendo 64.

O tempo de jogo pode parecer estranho pra você (pra mim não é, já que eu levei 7 considerando que não tinha um 64 e tinha que jogar alugado e, posteriormente, via roms) mas tem uma explicação bem óbvia, que só faz o feito do americano aumentar de tamanho: Garrett é cego desde os dez anos de idade.

Para poder jogar Ocarina of Time, um RPG de ação extremamente visual (basta lembrar que Link precisa pular para se movimentar pelo cenário, escapar de ataques e muito mais), Garrett utilizou um emulador de Nintendo 64, para poder salvar constantemente o seu jogo. Além disso, ele usou também uma cadeira especial, com um sistema de som que separa o canal direito do esquerdo, para poder confiar nos efeitos sonoros do jogo para se guiar.

O método de jogo de Garrett era o famoso “tentativa e erro”, onde ele ia confiando no sistema de gravação e carregamento do jogo para corrigir seus movimentos caso falhasse em algum momento.

Terry tem um histórico bem sucedido no mundo dos video-games, tendo zerado Oddwold: Abe’s Exoddus anteriormente – mas que tinha um desafio menor, já que é um jogo de ação em 2D.

Assista abaixo a batalha final do game jogada por Garrett:

Continuar lendo
Publicidade
Leandro de Barros

Campeão de Chess-Boxing por W.O. da minha rua, nerd de nascença, babaca por opção. Depois de muito analisar a sociedade moderna, só tenho uma coisa a dizer: með þýðandi? Veik!

Deixe seu comentário!

Mais em Games

To Top