Godzilla se torna cidadão japonês 61 anos após seu primeiro filme

Mundo Geek

Godzilla se torna cidadão japonês 61 anos após seu primeiro filme

O ano era 1954. O Japão ainda se reconstruía após a maior cicatriz na História da Humanidade: os horrores cometidos durante a Segunda Guerra Mundial.

O país, que perdeu suas batalhas na guerra e teve duas cidades destruídas com as bombas atômicas lançadas pelos americanos, ainda sofria muito com a radiação das bombas atômicas em seus cidadãos.

Foi nesse clima que o cineasta Ishiro Honda filmou um dos maiores clássicos do cinema japonês: Gojira. Ou, como ficou conhecido no ocidente, Godzilla!

O monstrengo criou uma nova fase do cinema japonês, estabelecendo o tokusatsu (palava japonesa para o termo “efeitos especiais”) no país. Além disso, Godzilla é, sem dúvidas, um dos grandes ícones da cultura pop mundial e um dos grandes personagens da sétima arte.

Em Abril desse ano, o governo japonês decidiu reconhecer essa importância do Godzilla e nomeá-lo cidadão japonês. Segundo o ANN, sua papelada já está pronta e o Rei dos Monstros agora é um residente honorário do bairro de Shinjuku, em Tóquio, além de embaixador do turismo da cidade.

A cerimônia foi parte da inauguração da “cabeça em tamanho real” do Godzilla que foi instalada no prédio da Toho Cinemas, estúdio responsável pelo Godzilla (veja no vídeo abaixo):

 

Kenichi Yoshizumi, prefeito de Shinjuku, comentou que o “Godzilla é um personagem que é um orgulho para o Japão“.

A função do Godzilla agora é de “promover o entretenimento e proteger a vizinhança de Kabuki-cho, além de atrair visitantes do mundo todo na forma da cabeça de Godzilla no topo do prédio da Toho em Shinjuku“, segundo o anúncio oficial.

Veja uma foto da tal cabeça de Godzilla no prédio da Toho Cinemas:

godzilla em toquio

Um novo filme do personagem está sendo desenvolvido no Japão no momento. O longa será escrito e dirigido por Hideaki Anno, um dos grandes nomes do Cinema e dos Animes no país, responsável por dirigir Evangelion.

Leandro de Barros

Campeão de Chess-Boxing por W.O. da minha rua, nerd de nascença, babaca por opção. Depois de muito analisar a sociedade moderna, só tenho uma coisa a dizer: með þýðandi? Veik!

Deixe seu comentário!

Mais em Mundo Geek

To Top