"Elefantes na Rua Nova": armorial, minimalismo e pós-rock na medida certa

Música

"Elefantes na Rua Nova": armorial, minimalismo e pós-rock na medida certa

Como entusiasta dos timbres musicais nordestinos e suas escalas melódicas armoriais, fiquei bastante empolgado ao conhecer o disco "Elefantes na Rua Nova", lançado em 2011 pelo violeiro recifense, Rodrigo Caçapa – que também é produtor musical.

Sabe esses discos que você encontra pra ouvir na internet mas sente desejo de comprar o objeto? Pra mim, "Elefantes da Rua Nova" é um desses. Primeiro você compra pra privilegiar o artista, pagando lá seus merecidos 20 dinheiros. Depois pra apreciar mais profundamente o objeto, seu projeto gráfico e letras das canções e ver toda a ficha técnica do trabalho (seus produtores, gravadora, músicos e musicistas, et cetera).

O álbum transita dentro de uma sonoridade armorial mas que não arreda pé de um minimalismo polifônico que tem o poder de fazer a coisa toda se tornar muito agradável.

Para quem gosta de música brasileira com requintes psicodélicos nas vaibes Satwa e Paêbirú por um lado, e por outro lado aqueles traçados melódicos de um Quinteto Armorial, além de apreciar os discos das linhas minimalistas mais contemporâneas, "Elefantes na Rua Nova" é uma audição sem receio de desgosto.

Então, fica aqui a dica do Geek Café pra esse excelente disco instrumental lançado recentemente no Recife. O disco pode ser ouvido no SoundCloud de Caçapa.

Confira aí o próprio autor falando com mais detalhes sobre suas influências e estudos musicais.

blogueiro, historiador; planejamento digital, coordenação de projetos em mídias sociais; editoração, redação digital e Tricolor do Arruda.

Deixe seu comentário!

Mais em Música

To Top